Menu
Segunda, 26 de outubro de 2020

Pandemia - MS tem queda no número de assinantes de internet, celular e TV

Pesquisa analisa o número de acessos nos serviços de telecomunicações e MS apresentou crescimento anual de reclamações e queda de novos assinantes.

01 de Set 2020 - 14h:38 Créditos: Fábio Quesada Martins Content Officer - Selectra Brasil
Crédito: Fábio Quesada Martins Content Officer - Selectra Brasil

Segundo o último estudo feito pela Selectra, pertencente ao período de janeiro a junho deste ano e sua comparativa com o primeiro  semestre do ano passado (2019), houve uma queda de novos assinantes em Mato Grosso do Sul. A insatisfação dos usuários de internet, TV e telefonia (fixa e móvel) fez com que diminuísse o número de novos contratos. Até junho do ano passado, foram contabilizados 4.017.300 de novos assinantes de todos os serviços de telecom. Um ano depois, e com uma pandemia de um vírus desconhecido, esse valor caiu para 3.820.900 de novos assinantes. Na banda larga, a Oi continua tendo o melhor market share, 29,2% de assinantes em junho deste ano. Claro e Vivo aparecem em segundo e terceiro lugar, com 24,3% e 19,5% de quota de mercado, respectivamente. Já na telefonia móvel, Vivo (48,1% de market share), Claro (32,8%) e TIM (10,5%) dominaram o pódio.

Mas e as reclamações contra operadoras, caíram ou aumentaram nesse período?

Segundo os dados do estudo, ao longo do primeiro semestre de 2019, foram registradas 9.157 reclamações contra operadoras. Nesse mesmo período de 2020, os registros de queixas subiram para 11.747, supondo um 22,04% de crescimento anual nas reclamações. No ranking das operadoras com mais queixas acumuladas ficou a Claro, com 4.131 registros; Vivo, com 2.873; Oi, com 2.446 e a TIM, com 1.157.

Segundo a Agência Nacional de Telecomunicações, o tráfego de rede aumentou neste ano 49% comparado ao ano anterior. Isso faz com que as estruturas de telecom não aguenatassem a demanda dos usuários, gerando quedas de conexão ou internet lenta. Nesses casos, é recomendável realizar o teste de velocidade da sua banda larga. Caso a operadora não esteja cumprindo com o 80% da velocidade acordada no seu contrato e 40% durante mediação instantânea, saiba que a companhia terá até 30 dias para solucionar o problema e caso isso não seja realizado, você poderá cancelar seu plano de internet sem pagar multa de rescisão.

Deixe um comentário


Leia Também

Veja mais Notícias