Menu
Sexta, 27 de novembro de 2020

Covid-19: Número de casos tem ligeira queda, mas curva da doença não desacelerou

Média de contaminação entre jovens é a mais alta

06 de Set 2020 - 21h:04 Créditos: Theresa Hilcar, Subcom
Crédito: Foto: Arquivo

A Secretaria de Saúde do Estado (SES) divulgou neste domingo (6) os últimos números da doença no Estado. De acordo com o Boletim, o total de casos confirmados no MS é de 53.491. Nas últimas 24 horas foram registrados 161 novos casos de Covid-19. A taxa de casos positivos testados foi de 23%.
Municípios com maiores altas foram Corumbá (51), Três Lagoas (32), Dourados (20), Aquidauana (8), |Miranda, Rio Brilhante e Sidrolândia (7).
O número de pessoas que não resistiram à doença é de 13. Campo Grande registrou 6 óbitos; Três Lagoas 2; Coxim, Aparecida do Taboado, Nova Andradina e Dourados registram 1 óbito cada uma. A faixa de idade das vítimas fatais varia de 43 a 92 anos.


???????
Média de contaminação entre jovens é a mais alta

Do total de casos confirmados em todo o Estado, 7.995 estão em isolamento domiciliar, 272 estão em leitos clínicos e 208 em Unidades de Terapia Intensiva. Os municípios com maior taxa de ocupação de leitos são Campo Grande (77%), Corumbá (70%) e Dourados, com 68%.
De acordo com o Boletim da SES, chama atenção a faixa de idade das pessoas que testam positivo para o Covid-19, que é maior entre 20 e 59 anos de idade. Em seguida vem as pessoas em idade de risco, entre 60 e 69. Ou seja, os jovens precisam se cuidar mais para evitar a contaminação e a propagação da doença.
Apesar de ligeira queda nos dados, o secretário Geraldo Resende e a secretária-adjunta de Saúde, Christine Maymone afirmaram que a curva da Covid-19 no Estado continua em ascensão, com média de casos registrados de 710 por semana.

Confira aqui o boletim.


Deixe um comentário


Leia Também

Veja mais Notícias