Menu
Sábado, 19 de junho de 2021

Militar aposentado é morto por suposta namorada que teria tramado o assassinato

Caso ocorreu em Campo Grande nesse domingo 07 de junho.

08 de Jun 2020 - 09h:51 Créditos: Redação. Fonte - Midiamax
Crédito: Pertences da vitima. Imagem (Ranziel Oliveira, Midiamax)

Na manhã deste domingo (7) o militar aposentado Valdecir Ferreira de 59 anos que foi encontrado morto em cima da sua cama, no bairro Azaléia em Campo Grande, a suposta namorada do militar teria tramado o assassinato da vítima para roubar pertences.

Além da mulher, os policiais do GOI (Grupo de Operações e Investigações) prendeu mais uma dupla. Os três foram encontrados no início da tarde de domingo (7) em uma casa, no Jardim Tijuca. O trio estava na ‘festinha’ na casa do militar.

Segundo informações passadas pela polícia, a mulher seria namorada de um dos bandidos envolvidos no crime, e teria também um relacionamento com o militar aposentado. Ela teria tramado o assassinato ao achar que a vítima tinha dinheiro. Ainda não foi esclarecido como o crime aconteceu, já que o depoimento dos três foi contraditório.

Da casa, o trio levou um par de tênis, um perfume, uma térmica, um cinto e o celular do militar. Eles estavam na festa que aconteceu na casa de Valdecir antes do assassinato.

Valdecir foi assassinado com três facadas nas costas e uma no pescoço. 

A filha do militar teria recebido uma ligação avisando que o celular de Valdeci estava no bairro Bom Jardim e que era para ela ir buscar o aparelho. Com medo, a mulher chamou a polícia para ir até a casa do pai, que estava trancada e teve de ser arrombada pelos militares, que acabaram encontrando o corpo em cima da cama. A residência estava toda revirada e com restos de alimentos espalhados na casa, assim como, várias latas de cerveja. Antes de fugir, o autor ainda teria tido o trabalho de trancar a casa levando as chaves da residência.

Deixe um comentário


Leia Também

Veja mais Notícias