Menu
Segunda, 03 de agosto de 2020

Criança é mordida por cachorro de vizinha e pai diz que vai matar o animal

Segundo a dona do animal, constantemente o menino joga pedras e paus no cachorro

10 de Mar 2020 - 10h:32 Créditos: Luiz Guilherme
Crédito: Ilustrativa

Um menino, de quatro anos, foi mordido por um cachorro por volta das 19h50 de ontem (9), depois de ter adentrado no quintal onde o animal estava preso. O caso aconteceu na Rua São Francisco, Jardim Itália, em Dourados.  

De acordo com o boletim de ocorrência, Maria Cristina Vieira Vilhalba, de 41 anos, e a filha Sabrina Vilhalba Flores, de 21, moram em um terreno com duas casas, na qual na outra residência mora os pais e a criança que foi mordida.  

No entanto, como não há muros no quintal, o animal que pertence à jovem de 21 anos, fica preso na parte de trás e fundos da casa, já como uma forma de evitar que o menino tenha acesso. O que nem sempre acontece, já que conforme a versão de mãe e filha, constantemente a criança ‘provoca’ o cachorro jogando pedras e paus, e que inclusive, já pediu para que os pais não o deixem sem cuidados.  

Até que ontem, quando Maria foi colocar o lixo para fora, viu o bebê entrando no quintal, e então teria dito para ele ficar na casa dele, e que não jogasse pedra no cachorro, o que não adiantou. Foi também nesse momento, ainda conforme a ocorrência, que a mulher escutou gritos e quando viu, o animal tinha mordido o menino.  

Quando os pais chegaram para socorrer o filho, Maria contou na delegacia, que ofereceu ajuda, mas o pai estava muito nervoso e disse que mataria o cachorro.

O caso foi registrado na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário).


Deixe um comentário


Leia Também

Veja mais Notícias