Menu
Sexta, 28 de janeiro de 2022

Mulher posa para foto e morre em decorrência de uma queda de 80 m de altura

Ninguém pôde fazer nada, pois foi tudo muito rápido

15 de Dez 2020 - 14h:47 Créditos: Roberta Ferreira
Crédito: Divulgação

Rosy Loomba, de 38 anos, morreu na tarde do último sábado (12), pois a mesma arriscou a própria vida para tirar foto de um penhasco de 80 metros de altura, o equivalente a um edifício de 27 andares.  

O caso aconteceu na Austrália, no Parque Nacional Grampians, em Victoria. A vítima não obedeceu às barreiras de segurança e acabou tropeçando na borda.  

Segundo informações, pessoas que estavam perto do local ouviram o grito de socorro de Loomba, porém não puderam a ajudar.

A mulher estava com o seu marido e o filho no local. Os serviços de emergências trabalharam por seis horas para retirar o corpo dela que estava no penhasco.  

O guia de turismo, Graham Wood havia falado para as pessoas meia hora antes do acidente de Rosy, que os turistas estavam ultrapassando a barreira de proteção e isso poderia causar uma tragédia.  


Deixe um comentário


Leia Também

Veja mais Notícias