Menu
Quinta, 22 de abril de 2021

Jovem mata a família toda queimada no interior de RS

No dia do crime ele foi para uma boate

17 de Fev 2021 - 16h:05 Créditos: Roberta Ferreira
Crédito: Divulgação

A polícia descobre que rapaz identificado como Jaime Santos, de 23 anos, planejou todos os detalhes do incêndio que matou os pais, Adão e Marlene, e a irmãzinha de apenas um ano, Jamile.  

Eles eram moradores de Tunas, interior do Rio Grande do Sul. A família era vista por todos como unidos e trabalhadores.  

O homem gastava o dinheiro em boates e com garotas de programa. Quando o pai descobriu não ficou contente, pois o que todos tinham é com base em muito esforço.  

Tudo piorou quando a irmã nasceu, pois eles começaram a pensar na herança da caçula.  

No último final de semana o autor teria ligado para a polícia informando que a casa estava pegando fogo, quando chegaram à propriedade, os corpos estavam carbonizados e o local completamente destruído.  

Ficou constatado de que o fogo foi proposital, pois encontraram na casa traços de óleo diesel. Jaime não chorava, nem demonstrava nenhum sentimento pelo o que aconteceu. 

O jovem teria alugado um quarto em uma casa noturna para usar como álibi no horário da morte da família, porém testemunhas contaram aos investigadores que ele chegou ao local depois do incêndio e exalava um forte cheio de combustível, por isso foi tomar banho.  

Depois do enterro de sua família o suspeito foi preso, confessou o crime e alegou que foi em legitima defesa.  

Ele está detido na cidade de Sobradinho - RS. Parentes lamentaram as mortes nas redes sociais.  


Deixe um comentário


Leia Também

Veja mais Notícias