Menu
Sábado, 19 de junho de 2021

Operação Black Cat pode atrapalhar suposta venda milionária do jogo do bicho em Campo Grande

Responsáveis pela atividade em MS fariam venda do esquema criminoso

23 de Set 2020 - 17h:58 Créditos: Renata Portela
Crédito: Barracas foram lacradas (Foto: Leonardo França, Midiamax)

Em uma segunda e maior ação contra o jogo do bicho em Campo Grande nesta quarta-feira (23), a quarta fase da Omertà, denominada Black Cat, deve enfraquecer suposta tentativa de venda do ‘negócio’ criminoso. A atividade ilícita estaria sendo negociada por valor milionário para os responsáveis pelo jogo do bicho no Rio de Janeiro.

Segundo apurado anteriormente pelo Jornal Midiamax, os responsáveis por comandarem a atividade ilícita de jogos de azar em Campo Grande estariam com intenção de vender o ‘negócio’. Assim, chegariam a lucrar algo em torno de R$ 60 milhões com a venda para os responsáveis pelo jogo do bicho no Rio de Janeiro.

No entanto, uma primeira ação do Garras (Delegacia Especializada de Repressão a Roubo a Banco e Resgate a Assaltos e Sequestros) há pouco menos de dois meses e a operação deflagrada antecipadamente nesta quarta-feira podem enfraquecer o negócio. Na primeira ação, uma barraca de jogo do bicho que ficava logo atrás da delegacia foi alvo.


Operação Black Cat pode atrapalhar suposta venda milionária do jogo do bicho em Campo Grande
(Foto: Marcos Ermínio, Midiamax)

Assim, foi localizada uma espécie de central de recolhimento do bicho, onde funcionava uma oficina de fachada no Estrela do Sul. Naquele dia, um dos responsáveis teria passado no local após ser alertado e conseguiu fugir com o dinheiro. Mesmo assim, anotações e talões acabaram apreendidos.

Já a Black Cat precisou ser antecipada, já que houve vazamento de que a operação seria realizada. Assim, responsáveis pelas barracas acabaram avisando via WhatsApp para que os outros fechassem as barracas por pelo menos 10 dias e parassem as vendas. Então, como havia equipes do Garras nas ruas, foi determinada a antecipação da operação.

Então, várias barracas já foram lacradas nesta quarta-feira, com material apreendido. Também foram conduzidas pessoas para a delegacia, que devem prestar depoimento. No entanto, outras barracas ainda devem ser lacradas nos próximos dias.

Deixe um comentário


Leia Também

Veja mais Notícias