Menu
Quarta, 24 de fevereiro de 2021

Governo do Brasil aumentou as importações de remédios em 84% da China

Nos meses de janeiro a setembro deste ano

23 de Out 2020 - 15h:13 Créditos: Roberta Ferreira
Crédito: Divulgação

Dados do Ministério da Economia mostram que, neste ano, a China se tornou o maior exportador de medicamentos e produtos farmacêuticos para o Brasil.

Entre janeiro a setembro de 2020, a importação de remédios e insumos farmacêuticos chineses aumentou em 84% em relação ao mesmo período do ano passado.  

A China, que figurava em quarto lugar no ranking dos maiores exportadores desses produtos ao Brasil, pulou para o primeiro lugar neste ano, deixando para trás os Estados Unidos, Alemanha e Suíça.

Entre janeiro e setembro de 2019, a China representava 9% das importações de remédios e produtos farmacêuticos feitos pelo Brasil. Nos nove meses de 2020, a fatia da China subiu para 16%.

O Brasil gastou R$ 544,4 milhões com a importação de medicamentos e produtos farmacêuticos chineses até setembro de 2020, quase o dobro dos R$ 300,6 milhões desembolsados no mesmo período do ano passado.  


Deixe um comentário


Leia Também

Veja mais Notícias