Menu
Sexta, 04 de dezembro de 2020

Morre em Dourados o radialista Gilberto Orlando

O velório será realizado hoje, na capela da rua Hayel Bon Faker n°1842, esquina com o Rua Palmeiras.

24 de Abr 2020 - 10h:35 Créditos: Redação
Crédito: Divulgação

Morreu nesta sexta-feira (24/4) Gilberto Orlando, dono de uma das vozes mais conhecidas na história do rádio douradense. Aos 72 anos, o ex-radialista deixa a esposa Ivone, 5 filhos e 11 netos. 

Segundo informações, Gilberto teria passado mal durante a madrugada, foi levado até um hospital na cidade, mas não resistiu ao quadro clínico. 

O velório do radialista será realizado hoje, na capela da rua Hayel Bon Faker n°1842, esquina com o Rua Palmeiras. A solenidade fúnebre acontecerá entre às 11h as 14h, seguindo o decreto da Prefeitura de Dourados que prevê regras de segurança sanitária durante a pandemia do novo coronavírus.

A HISTÓRIA

Gilberto Orlando chegou em Dourados em janeiro de 1971 para trabalhar na Rádio Clube de Dourados, a convite do ex-prefeito e proprietário da emissora Jorge Antônio Salomão. Sua voz alcançou outras cidades como, Ponta Porã, Corumbá e Glória de Dourados.

Deixe um comentário


Leia Também

Veja mais Notícias