Menu
Quinta, 22 de abril de 2021

Nesta quinta o valor do novo auxílio emergencial será votado pelo Senado

Líderes devem entrar em um consenso

25 de Fev 2021 - 10h:16 Créditos: Roberta Ferreira
Crédito: Divulgação

Ontem (24), representantes das centrais sindicais e do PT pediram para Rodrigo Pacheco, o adiamento da votação em texto.  

Eles ressaltaram que este tema tem que ser debatido como a retomada do auxílio emergencial e a aplicação das vacinas contra a covid-19, porém sem ser vinculado a PEC.  

O relator, senador Marcio Bittar (MDB-AC), propôs um protocolo de responsabilidade fiscal e uma “cláusula de calamidade” para que o governo federal possa manter o pagamento do beneficio neste ano.  

A definição dos valores das parcelas e das fontes para bancar o repasse seria definida por projeto de lei ou medida provisória a ser encaminhada pelo Executivo.

Está proposta tem que se aprovada por 49 senadores, em dois turnos, com um intervalo de cinco dias úteis.  


Deixe um comentário


Leia Também

Veja mais Notícias