Menu
Quarta, 20 de janeiro de 2021

Em agosto, MS registra em média um caso de Covid-19 a cada 1,8 minutos

O estado chegou a 44.324 registros da doença, sendo 19.388 somente no mês de agosto.

26 de Ago 2020 - 09h:50 Créditos: Anderson Viegas, G1 MS
Crédito: Reprodução/G1MS

A secretaria estadual de Saúde (SES) de Mato Grosso do Sul confirmou nesta terça-feira (25) 1.259 casos novos de Covid-19. O estado chegou a 44.324 registros da doença, sendo 19.388 somente no mês de agosto.

A média neste mês é de 775,5 casos por dia. O equivalente a 32,3 por hora, ou 1 registro a cada 1,8 minutos.

O secretário estadual de Saúde, Geraldo Resende, fez um alerta. Disse que é enganoso apontar que a Covid-19 está sob controle em Mato Grosso do Sul. Afirmou que a doença está em um patamar muito elevado e que os números demonstram isso.

Ele comentou que nesta terça, como ocorre há alguns dias, mais da metade dos casos novos, 673, é de Campo Grande. Avaliou que para ter um resultado mais efetivo no combate a doença no estado que é necessário reduzir o avanço da Covid-19 na capital.

O boletim da SES sobre a Covid destacou ainda mais 18 mortes provocadas pela doença. Foram 9 em Campo Grande, 3 em Aquidauana, 1 em Dourados, 1 em Aparecida do Taboado, 1 em Naviraí, 1 em Anastácio, 1 em Miranda e 1 em Corumbá.

Mato Grosso do Sul atingiu 767 óbitos em razão do coronavírus, sendo 357 somente em agosto. A média neste mês é de 14,28 por dia.

São considerados casos ativos de Covid-19 no estado, 7.202 registros. Desse total, 6.694 infectados estão cumprindo isolamento domiciliar e 508 estão internados, sendo 238 em unidades de terapia intensiva (UTI’s).

A taxa de ocupação de leitos de UTI do Sistema Único de Saúde (SUS) é de 58% no estado. Três cidades polo, entretanto, tem percentual maior. Campo Grande e Dourados, 78% e Corumbá, 70%.

O índice de pessoas infectadas recuperadas nesta terça atingiu 82%, o que representa 36.355 casos.

A SES disse também que 1.544 amostras de testes da Covid-19 aguardam na fila do Laboratório Central (Lacen) em Campo Grande e instituições parceiras e que os municípios têm 2.286 casos suspeitos em aberto. Desde o início da pandemia, o estado fez 184.117 testes para a doença.

Deixe um comentário


Leia Também

Veja mais Notícias