Menu
Domingo, 24 de janeiro de 2021

Ministério admite não ter previsão para o 13º salário do Bolsa Família

A previsão era de um custo de mais de R$ 2 bilhões

28 de Out 2020 - 11h:18 Créditos: Roberta Ferreira
Crédito: Divulgação

O Ministério da Economia afirmou ontem (27) que não existe previsão orçamentária, até a data, para o pagamento do 13º salário do Bolsa Família em 2020.  

A previsão para o pagamento era de um custo entre R$ 2,4 bilhões e R$ 2,6 bilhões. A equipe econômica, porém, ainda não encontra possibilidade de espaço no orçamento para a medida.

O pagamento havia sido instituído pelo presidente Jair Bolsonaro, atendendo uma promessa de campanha. No fim de 2019, o governo pagou o valor extra. Segundo o Executivo federal, o atendimento à população mais vulnerável é uma das prioridades, principalmente com a pandemia provocada pelo novo coronavírus e o alcance do Bolsa Família cresceu na atual gestão.

Com a criação do auxílio emergencial, 95% dos beneficiários do Bolsa Família foram migrados para o novo programa de distribuição de renda.  

Em março, a medida provisória que definia a forma anual de pagamento do 13º do Bolsa Família deixou de valer, depois que o Congresso Nacional não conseguiu transformar a medida em lei.


Deixe um comentário


Leia Também

Veja mais Notícias