Menu
Quarta, 30 de setembro de 2020

Em RS moradores da serra serão removidos de casa após uma fissura na barragem

Eles ficaram cerca de 20 dias fora de casa

31 de Jul 2020 - 10h:25 Créditos: Roberta Ferreira
Crédito: Divulgação

Moradores nas margens do Rio das Antas, no Rio Grande do Sul, serão removidos temporariamente de suas casas, para o conserto de uma fissura na barragem Passo do Meio, em São Francisco de Paula.

O imóvel fica aproximadamente 43 quilômetros da barragem, no interior de Caixas do Sul, é o mais próximo. E cerca de 20 pessoas terão que sair de suas moradas e ficaram 20 dias fora. Grande maioria das residências é de moradores que têm elas como lazer ou não mora ninguém.  

A empresa Energética Campos de Cima da Serra afirma que não há risco de ruptura, mas por prevenção foi decidido, junto com os órgãos estaduais, acionar o plano de emergência da barragem.

"É uma questão controlada, de risco mínimo, porém enquanto tiver o risco e a situação de emergência, que as pessoas não frequentem essas localidades. Muitas vezes as pessoas vão esporadicamente, têm uma casa de veraneio, de final de semana, ou utilizam para um passeio e estarão se colocando em risco. Então a ideia é minimizar e eliminar o risco", afirmou o tenente coronel da Defesa Civil, Sandro Carlos Gonçalves da Silva

A hidrelétrica Passo do Meio fica entre São Francisco e Bom Jesus. Por causa do conserto a empresa precisou esvaziar um pouco a barragem e foi aberto um desviou que dá para o Rio das Antas.  


Deixe um comentário


Leia Também

Veja mais Notícias